mais sobre mim

cuscar no ninho

 

Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Crónicas frescas

2anos….

Manteiga

Coisas más e coisas boas

Feliz 2014

Feliz Natal

Feliz Natal

Dezanove mesinhos

Afinal há manhãs assim c...

Fomos a praia os três...

Gonçalo e a "cobertura de...

Gonçalo e a Otite

Batata versus Body

Voltámos à nossa Praia

Notícias

O puto já anda

8 anos o número do Infini...

Um ano de ti Gonçalinho

FELIZ NATAL

Babá valente

Dez meses de ti Gonçalo.

Saídas da Bá

O lanche do Gonçalo

O 1º lanche que a mana d...

É oficial a Bá já está no...

Dicionário de Bárbara

Já fiz 5 meses.

Indginção em dfesa da ama...

Nasceu uma mãe I

Nasceu uma mãe II

Coisas da Bá

Cronicas Antigas

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Maio 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Junho 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

tags

adeus

agradecimento

ajuda

alimentação

almoço atribulado

amiga

amigos

amizade

amor

amor de mãe

amor maternal filha

aniversário

aniversário da bárbara

aniversário do cr´´onicas

aniversário do crónicasde uma mãe atrapa

anjos

apego

aprender

apressada

arrumações

avó

bá escola

bá sementes

baba

babyblog

banho

bárbara

barbara

bárbara.

batata

bbá

bdnotícias de bárbara

bebé

bebé quer falam precocemente

bebés

beijos

birra

birras

blogontro

blogontro cancelado.

boas festas

bola de pêlo

bolo de bolacha receitas fáceis

bondade

bonita

brincadeias avós lenga-lenga

brincadeira

brinquedos

cadeia alimentar

cadeirinhas

campanha. mãe

carinho

carnaval

carro

carros

carta

chacina

chica esperta

cibernética

cinema

cinoc sentidos anjos de prata

cinto

ciúmes

clube mammy

concurso

conversas engraçadas

coração de ouro.

criança

crianças

darfur

desenho

dia do pai

divertido

festa

filha

filhos

flores

golfinhos

histórias

jardim

linda

mãe

magia

mamã

menina crescida

natal

notícias da bá

operação

parabéns

patinho

polícia

praia

prémio

regresso

sapo

selo

talento

vaca

varicela

todas as tags

A mamã gansa gostou

A minha experiência de am...

Fomos à praia

E quando os filhos de Cro...

FRAUDE CIBERNÉTICA É CRIM...

Sabor a azul do Céu...

O Ursinho Gummy

A mamã Natal perdeu as ca...

Um Domingo especial

Parabéns filha

Para a minha Barbarita pe...

Mminhos para o Ninho

1º Lugar Babyblogs

Mamã Gansa

Cria o teu cartão de visita

Voaram sobre o o ninho da Mamã Gansa

Andamos por aqui...

O Nosso selo e os de voos amigos

Crónicas de uma Mãe Atrapalhada

O Selo do nosso Ninho e voos amigos

Crónicas de uma Mãe Atrapalhada

blogs SAPO

subscrever feeds

"Vais ter que aprender a viver com dois pequenos problemas" Bárbara

Carta ao Pai NatalCarta ao Pai Natal de Bárbara Duarte

Lilypie Kids Birthday tickers Daisypath Happy Birthday tickers Lilypie Third Birthday tickers Lilypie Breastfeeding tickers
Quarta-feira, 27 de Agosto de 2008

Não sou prima, sou Bárbara!

 

A Bá passou uma fase que não lhe podia chamar outra coisa senão o nome dela. Quando a minha prima esteve a tomar conta dela por causa da varicela. Assim que chegou disse--lhe:

 - Então prima como estás, ao que ela respondeu prontamente:

-Não sou prima, sou Bárbara!

 


tags:
crónica da Mamã Gansa às 10:30
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (2) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 26 de Agosto de 2008

Mamã, já sou uma menina crescida...

Mamã, já sou uma menina crescida...

E não há dia que a minha filha não me lembre orgulhosamente que já é uma menina crescida. Quer participar das conversas dos pais, quer ajudá-los. Continua teimosa, marota e traquina. Continua perigosa a fugir-me em todo o lado, escorregadia como o sabão, mas com a delicadeza e beleza de uma rosa soprada ao vento. Olhos nos seus e vejo um brilho. Um brilho de felicidade. Um brilho de orgulho. Repete constantemente, não quero ajuda, eu faço. Sou uma menina crescida. E eu olho para ela e vejo como está crescida. Crescida e linda. Não deixará nuca de ser a minha bebé como lhe digo, mas não me canso de repetir que tenho muito orgulho na minha menina crescida refilona, alegre, brincalhona. È uma dádiva ser mãe, mas ser mãe de criança como esta é uma dádiva muito grande. Porquê como esta? Porque é minha, porque é única, porque me surpreende todos os dias com a sua agilidade e capacidade de raciocínio, para alguém que fez 3 anos em Março. Porque me dava resposta que não era usuais numa criança de 2 anos. Haverá mais crianças com certeza. Mas esta  foi a que eu gerei E embora tenha sido há tão pouco tempo parecem tão longe os dias em que segurava a minha bebé pequenina no braços, os dias em que nada mais me sentia a não ser um biberão gigante. As noites em que o teu choro me desesperava tanto que pensamentos negros passavam pela minha mente. E eu inventava canções para os afastar da minha mente e para te embalar e ainda hoje com elas te embalo. Mas por ti voltava a passar tudo de novo. E hoje olho para ti, tão crescida, tão vaidosa, tão bonita tão querida. E incho de orgulho. És uma criança alegre sorridente, inventa histórias, canções e brincadeiras. Não gostas de estar sozinha e gostas que eu seja a tua companheira de brincadeiras. Às vezes fico para a olhar para ti a falares, a expressares-te com as mãos e a pensar como cresceste tanto só num ano. Não gostas de me ver triste corres a dar-me beijinhos,   a fazer-me festinhas e a dizer, não estejas triste, eu tomo conta de ti. E nesse momento tudo brilha à minha volta. Quero-te pedir uma coisa filha: Guarda sempre esta menina crescida pequenina muito doce, dentro de ti. Ela é a tua essência, o teu perfume.

E por falar em perfume, começo achar que os filhos trazem um perfume de feromonas relaxantes, pois basta-me abraçar-te e sentir o teu cheirinho, para ficar tão calma e tão tranquila, que até o sono se torna mais sereno.

Que surpresas mais ainda me vais revelar minha querida menina crescida?

Olho para ti e penso que não sei o que fiz ao tempo, mas acho que de ti fiz uma criança feliz.

crónica da Mamã Gansa às 13:05
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (2) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 25 de Agosto de 2008

Especial para titia Cristina

Recados Para Orkut

 

 

 

Que repits por muitos longos anos.Beijinhos meus da mamã e do papá.

crónica da Mamã Gansa às 14:56
link do post | Diga à Mamã Gansa | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?

Tenho dores de barriguinha

 

A ultima manha da menina quando não quer comer o que está no prato é pôr-se a dizer tenho dores de barriguinha…Mas se a seguir lhe oferecemos outra coisa mais docinha ou que ela gosta mais esquece-se logo das dores de barriguinha.

 

crónica da Mamã Gansa às 10:02
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

Partilhar

 

A Bá adora partilhar comigo. Bolachas e outras coisas ultimamente e fica toda contente: -Estou a partilhar contigo mãe. E quando eu lhe dou alguma coisa agradece:

-Obrigada por partilhares comigo mãe.

 

 E a seguir enche-me de beijinhos e esses são os que mais gosto que ela partilhe comigo.

música: manhas, dores de barriguinha
tags:
crónica da Mamã Gansa às 10:30
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (2) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Quarta-feira, 20 de Agosto de 2008

Golfos versus Gofinhos

 

A Bá quer ser um golfinho. Diz que é uma golfinha cor-de-rosa ( tem um brinquedo assim). Depois diz que somos todos gofinhos à moda dela: a mãe é uma golfa, o pai é um golfo e a Bá é uma golfinha. Porque para ela só os pequeninos têm direito a “inhos”, para ela tudo o que acabe em “inho” é pequenino. Ora se o papá e a mamã não são pequeninos não podem ser golfinhos são golfos.

 

 

Acho que ultimamente a consegui fazer perceber que era a mesma palavra para todos.

crónica da Mamã Gansa às 10:30
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 18 de Agosto de 2008

A Fina Grossa..

 

Quando era pequena a minha avó desdramatizava as feridas brincando que a tripa fina e a tripa grossa iam sair por ali, (só anos mais tarde percebi do que ela estava a falar). Desta forma às vezes digo o mesmo à minha filha quando ela se magoa. De modo que quando lhe pergunto se ela está melhor, ela agora responde-me:

-Sim mamã. Olha a fina grossa já saiu.

crónica da Mamã Gansa às 10:20
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 14 de Agosto de 2008

Já fui sereia, já fui princesa…agora sou “golfinha”

 

Já fui vaquinha no prado a pastar …

Já fui bruxinha a dançar ao luar;

Já fui princesa,

Já fui princesa bailarina.

Já quis ser gaivota

e ter um par de asas verdes para voar...

Já fui apenas uma menina.

Já quis ser borboleta e abelhinha que de flor em flor andasse a voar

Agora quero ser golfinha para no Oceano nadar

E agora, mãe deixa-me ser o que eu imaginar!

 

Dedicado à minha filha que neste Verão quer ser uma “Golfinha”

 

 

crónica da Mamã Gansa às 10:30
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 11 de Agosto de 2008

Treinos olímpicos

 

Este é um daqueles posts que não precisa de muitas palavras. È daqueles que explica porque é que sou uma mãe atrapalhada e comprova que a rapariga decididamente quer participar das olimpíadas e levar a mãe com ela. Confiram só mãe e filha em pelno treinos atléticos.

crónica da Mamã Gansa às 10:38
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Sábado, 9 de Agosto de 2008

Férias

Recados Para Orkut - RecadosOnline.com

 

 

Desculpem agora é que vamos de férias a sério, pelo menos daqui do blog. A inspiração nunca me falta ,é a minha traquinissima Bá,mas o verão inspira-me andar na rua e aproveitar o sol. Sinto-me um pouco em baixo.Estou a precisar de muito sol, de muito água salgada, de estar com pessoas ao vivo e a cores. Sei que também conto o vosso muito precioso carinho,mas estou a precisar de calor humano directo. Como sempre talvez saiam um ou dois posts programados ,mas vamos deixar o batráquio a trabalhr sózinho. Boas férias para os que vão de férias. Bom trabalho para os que ficam a trabalhar.   Como vou ser turista na propria cidade, não irei muito longe, apenas uns  curtos dias à terrinha...Por isso a  ausência não será grande. Estarei por cá mas um pouco mais arredada da blogesfera...

 

até jáaa como diria a Bá

tags:
crónica da Mamã Gansa às 10:20
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (2) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?

Eu não sou bebé, sou uma menina crescida!!!

 

 

Que ninguém chame bebé à Dona Bá que ela é uma menina crescida…

Já há um tempo, passámos alguns dias em casa das avós (avó e tia-avó) paternas e um senhor que foi fazer uma entrega meteu-se com ela dizendo :

- Olá bebé..

A o que ela respondeu muito zangada:

- Eu não sou bebé, sou uma menina crescida…

O senhor achou-lhe piada de tal forma que estava eu na rua come ela ao colo para entrar no carro e o senhor parou reconhecendo-a e virou-se para ela dizendo:

-Olá Bebé…

A resposta não se fez esperar e o senhor continuou o caminho dele a rir.

crónica da Mamã Gansa às 06:07
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Quinta-feira, 7 de Agosto de 2008

Pais mal comportados....

Eu e o pai levamos a Bá ao parque e ela quer andar de baloiço.O pai empurra do lado de trás eu empurro de frente. De repente sem que esperássemos ela refila:

-Querem parar com isso os dois?

Rimo-nos a voltamos a fazer só para ver a reacção. Ela volta refilar com voz autoritária:

-Eu já disse para pararem coma brincadeira ai ai ai....

 Risota geral  e ela pediu para sai do baloiço.

Pais desnaturados que obrigam a criança a mudar do baloiço para o escorrega.

lol sabe tão bem fazer-lhes malandrices de vez em quando...

crónica da Mamã Gansa às 18:42
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Terça-feira, 5 de Agosto de 2008

8 anos - o infinito amor

Diamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond TextDiamond Text

 

Sim, são oito anos que eu  e o teu pai nos aturamos. Sâo oito anos de duas vidas envolvidas numa vida que agora envolve a tua também. Um  dia disse que eu não podia ficar com o teu pai, pois se acontecesse, ia ser um caos com o mau feitio que tínhamos os dois, à primeira discussão partíamos uma casa. Bom isso não aconteceu. Pelo contrário  construímos um lar  e porque achámos que ele estava incompleto convidámos-te filha. Dizem que o oito é o número do infinito, por isso a palavra noite termina em quase todas as línguas europeias com a plavra oito ( no caso de portugal deriva do latim que terminaria em oito). É esse o meu desejo depois de termos assistido ao divórcio de familiares e de amigos, apesar de tudo e contra as minhas expectativas estamos juntos. A picarmo-nos um ao outro como aquele casal de velhinhos do mais velhinho ainda "sabadadbadu", mas  de pedra e cal para o que for preciso. E espero que este oito seja o prenúncio do infinito....

P.S -Filha vê se recordas o forreta do teu pai  a  oferecer umas floritas à mamã!

Quanto a ti não te preocupes és o nosso eterno presente...

crónica da Mamã Gansa às 10:03
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (6) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Segunda-feira, 4 de Agosto de 2008

Oh Flora...

De há uns tempos para cá aminha filha pegoua amania de me chamar pelo nome próprio e ao pai também. Fase que acho que todas as crianças passam. Tentando que ela voltasse a chamar só mãe viro-me para ela e digo-

-Oh Flora? Então já não é mamã. A menina não chama mamã porquê?

a respostas não se fez esperar com o ar masi admirado e inocente do mundo eas mãozitas expressivamente abertas.

 

-Mas tu chamas Flora, não chamas? Chamas Flora não chamas? como quem diz, então se chamas que mal estou eu a fazer.

 

-Chamo filha, chamao.Deixa lá a mãe estava abrincar contigo.

 

Pois que contra factos não há argumentos e não vejo que mal ao mundo pode vir por ela me tratar pelo nome, até gosto honestamente....

crónica da Mamã Gansa às 10:17
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (1) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Sábado, 2 de Agosto de 2008

Adeus D.Adelaide

Glitter Graphics

 

 Porque a vida tem coisas tristes também este blog às vezes tem posts tristes, este é um deles.

 

É com lágrimas nos olhos e um enorme pesar na alma que escrevo estas linhas.Ontem tive uma notícia muito triste recebida da pior forma. A D.Adelaide era a senhora que me ajudava quando estive a dar aulas em Rio Maior. Digo ajudar, porque ela fazia mais que ser a senhora que ia lá a casa duas horas por semana tratar da roupa da Bárbara e da minha se fosse preciso, pois a Bárbara tinha  6 meses e eu estava sozinha com ela numa casa enorme que só está preparada para férias.

 

Era a Dona Adelaide que me ficava com a Bárbara quando eu chegava de viagem e precisava que alguém tomasse conta dela.Era ela que preparava tudo para me receber e à nossa "Bárbia" como ela dizia quando eu chegava de viagem."

 

Foi ela que me ajudou , quando fiquei sozinha uma semana com a Bá doente em casa e o tempo estava tão mau que nem me atrevia a viajar, com a Bárbara aos vómitos. Era ela que sempre que podia ia ver se eu estava doente, se precisava de alguma coisa , pois sabia que eu estava sózinha com um bebé, ao contrário de algumas pessoas com quem eu tinha laços familiares que não se dignaram um dia a ir ver-me, quando já fizeram muitos mais quilómetros por outras pessoas.

 

Eu tenho uma enorme dívida de gratidão para com a D.Adelaide que nunca a poderei pagar.Posso dizer que se na vida encontramos anjos sem asas a D.Adelaide foi um desses anjos que encontrei para me suavizar uma caminhada penosa. 

 

 

Todos os Natais eu lhe ligava, por vezes ela não atendia, porque tinha problemas de audição.Então eu deixava-lhe uma mensagem pois sabia que a filha lhe lia.

 

Se há pessoas de Rio Maior que recordo com enorme carinho e saudade a D.Adelaide era uma delas.  Soube que estava doente  e tentei ligar-lhe mas nunca conseguia. Tinha tido notícias por pessoas da minha família que ela tinha saído do hospital e estava com esperanças que ela melhorasse. Ela era um pessoa com uma enorme alegria de viver e um coração muito bom.

 

Eu sempre disse que quem trata com amor e carinho a minha filha faz-me bem a mim.Era suposto eu ter ido a Rio Maior mais vezes, mas a vida nem sempre dá para fazermos o que queremos. Ontem liguei e fiquei contente quando finalmente me atenderam o telefone, a voz :

-Lamento desiludi-la minha senhora, a minha irmã faleceu há pouco mais de um mês no dia seguinte ao do seu aniversário.. 

 Eu estava a telefonar para lhe dizer que ia lá com a sua Bárbia .

Por outro lado sei que ultimamente sofria muito, por isso talvez seja melhor assim.

 Não consigo imaginar-me a chegar a Rio Maior sem ligar a D.Adelaide  para dizer:

- Venha ver a sua bebé,olhe como ela já está uma menina crescida....

 Ainda não tive coragem de apagar o número do telemóvel...

  Se por um lado tenho pena que a Bárbara não se recorde dela, por outro melhor assim..

 

Adeus  D.Adelaide descansa em paz.

sinto-me:
crónica da Mamã Gansa às 12:25
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (11) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?
Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008

Mãe gulosa.

Se há coisa que eu sou igual ou pior que a minha filha é gulodice por gomas.Um dias destes comprei um saquinho para irmos comendo as duas enquanto víamos televisão.Entretanto tive que ir fazer qualquer coisa e a Bá ficou sozinha com o saquinho de gomas.Quando voltei só vi o saco...

Eu: -Então filha comeste as gomas todas, não deixaste nada para a mãe?

Ela: - Claro mãe, isto é para os meninos pequeninos não é para as mamãs grandes, não é para as mamãs grandes. - a rir.

 

Pois filha tens razão...., mas no que diz respeito a gomas a mamã é pequenina...

sinto-me: ogada
crónica da Mamã Gansa às 12:13
link do post | Diga à Mamã Gansa | o que disseram à mamã (4) | Ena pá isto é muito giro
 O que é? |  O que é?

Crónicas gosta de

Andamos por aqui...